domingo, 8 de fevereiro de 2015

COLUNA DO KBÇA: "Semáforos em Aracaju.. mobilidade garantida?"

Bom dia amigos, como disse... qualquer hora é hora, e aqui estamos de volta pra escrever a coluna pra tratar de um tema muito corriqueiro pra quem anda diariamente em nossa "Arara Caju", a quantidade enorme de semáforos que foram implantados nos últimos tempos.

É sabido que a quantidade de carros aumenta brutalmente mês a mês no estado, visto que infelizmente o transporte não atende a contento a demanda, e a curto prazo, há pouca perspectiva de mudança (Talvez você não concorde com esse parágrafo alegando.. "a prefeitura renovou em X% a frota etc etc etc, é uma besteira isso aqui mimimimimimi....", e digo, sim... você está certo! Mas lembre-se, quantidade não é qualidade, e nem tão pouco qualidade é quantidade, haja vista que por mais se renove 100% da frota, a quantidade efetiva de ônibus e linhas que atendem aos usuários é a mesma.). Então, a tendência é infelizmente o cidadão buscar outros meios mais efetivos, rápidos, seguros.. e até mais limpos de se deslocar, como carro, moto, bicicleta... e até CHARRETE.

Qual a estratégia de curto prazo que os órgãos públicos municipais usaram pra tentar amenizar essa guerra urbana de buzinas, freadas e aceleradas diárias? Semáforos pra dar e vender pela cidade... na avenida rio de janeiro, foram colocados mais 2 semáforos, e até retorno (coisa que não existia desde a fundação da avenida). Na Avenida Heráclito Rollemberg, no trecho Orlando Dantas/São Conrado, mais 3 semáforos (Sendo um exclusivo de travessia de pedestres), e na mesma avenida no trecho de conjunto do Augusto Franco, mais uns 3.. sendo que nessa avenida, houve algumas mudanças de sentido em retornos, e além de criação de novas entradas e saídas dos conjuntos habitacionais citados.

Será que isso é uma solução para a mobilidade urbana? Será a introdução desses semáforos uma parte de um projeto mais audacioso a ser proposto pela prefeitura como o tão falado sistema de BRT (Bus Rapid Transit)??

Seja o que for, que haja reflexão de todas as partes envolvidas na fluidez do trânsito... do motorista (ao pensar se vale a pena tirar o carro de casa, com o trânsito cada vez menos fluente, e com a gasolina cada vez mais cara), e do poder público de garantir nosso direito constitucional de ir e vir, e que assim, possamos todos chegar o mais longe que pudermos (em todos os sentidos da palavra).

Espero que esse texto os ajude a refletir sobre esse tema que será recorrente no nosso cotidiano! E que futuro vindouro traga boas surpresas a todos nós. Qualquer sugestão de tema que você leitor tenha, e queira ver discorrido nesta coluna, é só entrar em contato conosco, aqui no site ou na nossa fan page no facebook. Um carnaval de juízo e de alegrias a todos! Até mais, a qualquer hora, mas neste mesmo canal.


IMAGENS: F5 NEWS
                    G1 SERGIPE
                    ARACAJUQUALIDADEDEVIDA.BLOGSPOT.COM



Urban Matos
Editor e Revisor da coluna.

Nenhum comentário:

Postar um comentário